Sai a programação da 4ta edição do Solidariedade a Flor de Pele

Programação 4ta edição do Solidariedade a Flor da Pele

12, 13, 14 de outubro. Okupa 171, Pelotas (RS).

Tatuagens e piercings durante todo o evento em apoio axs companheirxs presxs!

Sexta 12/10

16hs: Abertura do evento. “Quem morre lutando vive em cada companheiro”. Pela memória do companheiro anarquista Santiago Maldonado “Lechuga”.

20hs: Jantar

21hs: Apresentação Antiartística

Sábado 13/10

8hs: “Destruindo as prisões mentais”. Oficina de Yoga e Meditação

9hs-9h30: Café da manhã

12h30: Almoço

14h30: Nenhuma condenação sem resposta! A importância da solidariedade anarquista com xs perseguidxs por lutar!

19h30: Programa de rádio Subversão e Jantar

21hs: Apresentações e Sorteio por uma tatuagem coletiva

Domingo 14/10

8hs: “Destruindo as prisões mentais”. Oficina de Yoga e Meditação II

9h-10h: Café da manhã

10hs: O Solidariedade a Flor da Pele e o apoio axs companheirxs Presxs. Solidariedade com Juan Aliste preso no Chile.

12h30: Almoço

14h30: A postura anarquista na solidariedade com xs presxs. A trajetória de luta e a situação atual de Mauricio Norambuena “Ramiro” preso no Regime Disciplinar Diferenciado.

18hs: Sorteio da rifa solidária

18h30: GIG-Punk com as bandas: Asesinas, Mau Agörou, Hospicidade

Durante todo o evento: Bancas de livros e materiais kontrakultural e antiautoritário. Projeção de vídeos!

As atividades serão livres de álcool.

Posted in General | Leave a comment

Chamado para a 4ta edição do Solidariedade a Flor de Pele 12, 13 e 14 de outubro 2018 em Pelotas/RS Santiago Maldonado Presente! (PT/ES)

Chamado para a 4ta edição do Solidariedade a Flor de Pele! 12, 13 e 14 de outubro 2018 em Pelotas/RS Santiago Maldonado Presente!

Nos somamos à iniciativa, em coordenação com a convenção anárquica de tatuagens e piercings “Arte y Sabotaje” na Argentina, e “Tinta Negra” no Uruguay, de homenagear a vida em combate do companheiro e tatuador Santiago Maldonado “Lechuga”, que foi assassinado pelo estado Argentino em 1 de agosto de 2017, enquanto lutava junto aos Mapuches na comunidade Pu Lof, no sul do território controlado pelo Estado argentino.

Escolhemos o dia 12 de outubro para o início das atividades. Há 526 anos, os primeiros barcos coloniais chegavam no continente e, com eles, uma nova ordem social, que veio a se impor sobre as pessoas que viviam nesses territórios. Foi o começo dos genocídios, da devastação da terra e da expansão do capitalismo, mas também, de muitas lutas, batalhas, de resistências e ofensivas contra a colonização, que seguem vivas até hoje em cada canto da América Latina. Um exemplo, é a luta anti-capitalista e anti-estatal que os Mapuches seguem encarando. Em julho do ano passado, a comunidade Mapuche Pu Lof estava recuperando terras que são reconhecidas pelo estado Argentino como propriedades do empresário Benetton. Para desalojar os Mapuches, no 1 de agosto, o estado argentino mandou suas tropas repressivas e foi neste contexto que Santiago Maldonado “desapareceu”. Durante mais de 6 meses, o estado argentino escondeu seu assassinato até que seu corpo fosse supostamente “encontrado” no rio Chubut em 17 de outubro. Santiago morreu como viveu, como um anarquista, solidário, lutando pela terra, contra a propriedade e contra o capital!

As três primeiras edições do Solidariedade a Flor de Pele, proporcionaram   momentos de encontros, trokas de materiais e debates fokados na luta anti-carcerária. Então, foram espaços importantes tanto para a difusão da situação de companheirxs anarquistas presxs e/ou perseguidxs, quanto para a difusão da kontra-kultura anarko-punk, vendo as tatuagens e piercings como ferramentas que nos possibilitam juntar fundos para apoiar axs compas encarceradxs. Seguimos agora com este mesmo impulso.

Os ventos repressivos contra a Anarquia chegaram também por aqui. Em outubro de 2017, através da operação “Erebo”, que teve na mira a biblioteca anárquica Kaos, várixs companheirxs foram perseguidxs e okupações e kasas particulares foram invadidas. No Rio de Janeiro, a partir da operação Firewall, 23 pessoas acabam de ser condenados a penas de prisão que vão de 5 a 13 anos em regime fechado[1], pelos protestos de rua de 2013 e 2014.

No meio deste contexto, no qual nos querem amedrontadxs, a solidariedade se torna urgente e imprescindível! Não podemos deixar que o medo nos paralise! Convidamos a todxs xs anarquistas em luta e a todxs xs interessadxs a participarem da quarta edição do Solidariedade a Flor da Pele que acontecerá em Pelotas (RS) nos dias 12, 13 e 14 de outubro!

Em breve, publicaremos a programação no nosso blog: aflordepele.noblogs.org. Qualquer contribuição, aporte ou sugestão é benvinda e podem ser enviada no email novo: aflordepele4 [arroba] riseup.net

Fogo a todas as prisões!

Que viva a Anarquia!

Às pessoas que precisariam de alojamento, lhes pedimos que nos avisem quanto antes pelo email para organizar o espaço!

[1] Os companheiros podem apelar à condena em liberdade, mas, mesmo assim, cada um dos seus movimentos está sendo vigiado.

en español:

Llamada para la 4ta edición del “Solidaridade a Flor da Pele”

12, 13 y 14 de octubre en Pelotas/RS (Brasil)

¡Santiago Maldonado Presente!

            Nos sumamos a la iniciativa, en coordinación con la convención anárquica de tatuajes y piercings “Arte y Sabotaje” en Argentina, y el “Tinta Negra” en Uruguay, de homenajear la vida en combate del compañero y tatuador Santiago Maldonado “Lechuga”, que fue asesinado por el estado argentino el 1 de agosto de 2017, cuando estaba luchando junto a los Mapuches en la comunidad de Pu Lof, en el sur del territorio controlado por el estado argentino.

Escogimos el día 12 de octubre para el comienzo de las actividades. Hace 526 años, los primeros barcos coloniales llegaban al continente y con ellos, una nueva orden social que vino a imponerse sobre las personas que ya vivían en estos territorios. Fue el comienzo de genocidios, de la devastación de la tierra y de la expansión del capitalismo, pero también, de muchas luchas, batallas, de resistencias y ofensivas contra la colonización, que siguen vivas hasta hoy en cada canto de América Latina. Un ejemplo es la lucha anti-capitalista y anti-estatal que siguen llevando adelante los Mapuches. En julio del año pasado, la comunidad Mapuche Pu Lof estaba recuperando tierras que son reconocidas por el estado argentino como propiedades del empresario Benetton.Para desalojar a los Mapuches, el primero de agosto, el estado argentino mandó sus tropas represivas y fue en este contexto que Santiago Maldonado “desapareció”. Durante más de 6 meses, el estado argentino escondió su asesinato hasta que su cuerpo fuera supuestamente “encontrado” en el río Chubut, el 17 de octubre. ¡Santiago murió como vivió, como un anarquista, solidario, luchando por la tierra, contra la propiedad y contra el capital!

Las tres primeras ediciones del Solidariedade a Flor da Pele proporcionaron momentos de encuentros, intercambios de materiales y debates centrados en la lucha anti-carcelaria. Fueron espacios importantes, tanto para la difusión de la situación de compañerxs anarquistas presxs e/ou perseguidxs, como para la difusión de la kontra-kultura anarko-punk, viendo a los tatuajes y piercings como herramientas que nos posibilitan juntar algo de dinero para apoyar a lxs compas encarceladxs. Así, seguimos con esta misma impulsión.

Los vientos represivos contra la Anarquía llegaron también por aquí.  En octubre de 2017, a través de la operación “Erebo”, que tuvo en la mira la biblioteca anárquica Kaos, varixs compañerxs fueron perseguidxs, okupaciones y kasas particulares fueron allanadas. En Rio de Janeiro, con la operación Firewall, 23 personas acaban de ser condenadas a penas de prisión que van de 5 a 13 años en régimen cerrado por las manifestaciones callejeras de 2013 y 2014.[1]

¡En medio a este contexto, en el cual nos quieren asustados, la solidaridad se vuelve urgente e imprescindible! ¡No podemos dejar el miedo nos paralice!

Convidamos a todxs lxs anarquistas en lucha y a todxs lxs interesadxs a participar de la cuarta edición del Solidariedade a Flor da Pele que ocurrirá en Pelotas (RS), los días 12, 13 y 14 de octubre.

Dentro de poco, publicaremos la programación en nuestro blog: aflordepele.noblogs.org. Cualquier contribución, aporte o sugestión es bienvenida y puede ser mandada vía e-mail: aflordepele4 [arroba] riseup.net

¡Fuego a todas las prisiones!

¡Que viva la Anarquía!

¡Para las personas que necesitan de alojamiento, les pedimos que nos avisen cuanto antes vía e-mail para que organicemos el espacio!

[1] Los compañeros pueden apelar a la condena en libertad, pero, mismo así, cada uno de sus movimientos está siendo vigilado.

Posted in General | Leave a comment

Nova programação!!!

solida01

Soli02

Posted in General | Leave a comment

Conheça os tatuadorxs!!!!!

Aqui vamos a colocar algumas fotos de tatoos que xs tatuadorxs que vão a estar presentes na terceira edição do Solidariedade a Flor da Pele.  Segue, então a lista dos tatuadorxs!

Bruxa Rita:

10846314_587236431408847_8096803082397297694_n10846453_587236368075520_4089214070818167435_n10262188_587236524742171_5180248763202056466_n10846085_587236308075526_3479840831713232598_n10690267_587236304742193_435630606394740090_n10869882_587236484742175_1537692331889393769_o

Léandro:

10857769_587236991408791_3041984150164431368_n 1549415_587236838075473_5403963533921898326_n10517688_587236854742138_3945828368354515838_n1526733_587237388075418_4451614432402978529_n

 

10848021_587236664742157_904357643634805088_n10846314_587237278075429_2900365102289605306_n

DSGTT

1527070_808465142551314_8028796147534074876_n10382463_808465159217979_1644709405276183221_n10428438_808465149217980_3068033760617223845_n10154107_808465152551313_3880736911497954910_n10702049_808465199217975_7179832422841970120_n

Jean:

10913624_760490754035776_416851682_n10928019_760490664035785_519636226_n

10922020_760490617369123_942818853_n10883764_760490827369102_1052631013_o

10933241_760490544035797_885331554_n10899851_760490477369137_212026546_n

10921826_760490350702483_542479744_n10921984_760490317369153_2055029018_n10904390_760490294035822_1728003816_n10917719_760490860702432_1813453551_n10928481_760490850702433_664030690_n10927371_760490784035773_896737514_o10756692_760490767369108_43805923_o

Niko:

1380027_435514236569027_165750308_n1374122_435513529902431_579504858_n148713_600188540101595_4059338344852632458_n1391485_435514366569014_819473594_n10806333_657170257736756_8989023977399179572_n1525274_474045902715860_743005922_n10456418_659411327512649_6809320528619988076_n1491591_659412700845845_1711269660898264420_n10628186_653784968075285_1625158321492127418_n

Posted in General | Leave a comment

Saiu a programação do Solidariedade a flor da pele 3ra edição Porto Alegre

cartaz indapronto

Sexta 16: Abertura.

  • 16h: Troca de ideia com Iracema Kaingang. “Fortalecendo os nossos corpos.”
  • 19h: Show anti-artistico e Diskotekagem com DJ Dedeiuska.

Sábado 17: Tatoo e piercing ao longo do dia.

  • 10h: Oficina de Capoeira
  • 15h: Oficina de tatuagem
  • 16h: Contos e Historias para crianças
  • De noite: Gig e Rifa solidaria.

Bandas: KumbiaChori, Salto no Vazio, Pedra de Amolar senhora Elvira, Hemoragia Interna, Kretina, Abobora Sangrenta, kaotica e Nedd Ludd

Domingo 18: Tatoo e piercing ao longo do dia.

  • 10h: Oficina de Serigrafia
  • 15h: Projeção de video e troca de ideia: Intervenção corporal e identidades.
  • 16h: Pinturas corporais com as crianças.

Para as pessoas que querem se tatuar, pedimos que tragam o desenho do tamanho que vocês querem tatuar.

 Já foram duas edições do Solidariedade à Flor da Pele, o primeiro realizado em novembro de 2013 em Porto Alegre e o segundo em junho de 2014 em Pelotas, sendo encontros produtivos e que nos estimularam a seguir esta experimentação. Vivemos um momento conturbado de pós-copa e de eleições nacionais, onde a máscara da paz social neste país finge esconder todos os processos repressivos, os abusos de poderes contra xs pobres e todo o esquema de saqueio da Terra e seus bens naturais se intensificam, de maneira oculta mas progressiva. Por isso, e por todo nosso desejo de liberdade e de destruição das estruturas de domínio, é que existe a necessidade da continuidade de eventos/espaços de discussão e prática.

A terceira edição do evento Solidariedade à Flor da Pele será nos dias 16, 17 e 18 de janeiro em Porto Alegre, aproveitamos para convidá-los para construirmos juntxs essa nova edição, com as idéias mais afiadas, com as práticas mais intensas, e com as nossas afinidades… à flor da pele!

 para imprimir e difundir a programação:

soli

Solidariedade a flor da pele 1

Posted in General | Leave a comment

Convite para 3° Edição do Solidariedade à Flor da Pele 16, 17, 18 de Janeiro de 2015

cartaz indapronto

Afinal, o estado está fazendo sua parte: construindo mais presídios, experimentando a privatização do sistema carcerário, criando leis mais rígidas, adestrando mais policiais para repressão, etc. E o que nós estamos fazendo?

O tema dos cárceres é ainda um tema tabu entre a sociedade e surpreendentemente entre nós anarquistas, pois é um assunto complexo e cujas reflexões não nos levarão à respostas programadas ou conclusões definitivas. É uma luta constante e cada vez mais necessária. Na verdade sempre foi muito necessária e estamos verdadeiramente em atraso. Por isso nos organizamos e seguimos esta iniciativa da criação de um evento solidário voltado para a situação carcerária utilizando-se da tatuagem, do piercing e modificação corporal, de toda expressão anti-estética, como ferramenta para criar uma vivência, um espaço físico e de calor humano que resgate a situação carcerária da amnésia da memória social e dê uma visibilidade às pessoas presxs nas masmorras do Estado, e onde inclusive podemos questionar as práticas e lógicas carcerárias em nossos próprios cotidianos.

A Prisão é uma instituição do esquecimento, as pessoas não desejadas pelo Estado são jogadas em caixas com tampas fechadas, para que cada revolta, cada desacordo com o existente seja oculto na indústria da morte que produz o sistema carcerário. Frente a isso também sentimos o intuito de dar visibilidade a essa realidade oculta, e fazer disso uma temática recorrente em nossas buscas/práticas, objetivando transformar em solidariedade real axs lá detidos. Gostaríamos de trazer situações, palavras e lutas dessas pessoas, servir de telefone-sem-fio para os gritos, desabafos e opiniões dxs presxs. Buscamos também que nossas iniciativas se projetem dentro das estruturas carcerárias, no aqui e agora, em tempo real para cada vez mais conectar a realidade “de dentro” com a “de fora” e romper esta linha de separação, tão fictícia quanto real.

A tatuagem/piercing/expressão anti-estética vem sendo usada como ferramenta para criação de eventos conectados com a temática anti-cárcerária em diversos outro locais do globo, e vamos sendo influenciados por estas iniciativas. É um evento que se destaca a liberdade de expressão do corpo

como afronta e negação dos moldes sociais dominantes e consumidos, uma busca pela reapropriação de nossa identidade pessoal e coletiva e de nossa capacidade de manifestação de vida. Utilizando-se também da tatuagem para arrecadar uma grana afim de manter um fundo de apóio à luta anti-carcerária, fundo este para emergências para xs compas que se envolvam em armadilhas judiciais, como dar um aporte para os que lá já estão presxs, também para manter nossa capacidade de estarmos gerando informação/divulgação e a continuação de eventos solidários. Tiramos proveito disso através de valores arrecadados com as tatuagens, colocação de piercing, e com diversas formas de arte e expressão que possam ser compartilhadas no evento.

Já foram duas edições do Solidariedade à Flor da Pele, o primeiro realizado em novembro de 2013 em Porto Alegre e o segundo em junho de 2014 em Pelotas, sendo encontros produtivos e que nos estimularam a seguir esta experimentação. Vivemos um momento conturbado de pós-copa e de eleições nacionais, onde a máscara da paz social neste país finge esconder todos os processos repressivos, os abusos de poderes contra xs pobres e todo o esquema de saqueio da Terra e seus bens naturais se intensificam, de maneira oculta mas progressiva. Por isso, e por todo nosso desejo de liberdade e de destruição das estruturas de domínio, é que existe a necessidade da continuidade de eventos/espaços de discussão e prática.

A terceira edição do evento Solidariedade à Flor da Pele será nos dias 16, 17 e 18 de janeiro em Porto Alegre, aproveitamos para convidá-los para construirmos juntxs essa nova edição, com as idéias mais afiadas, com as práticas mais intensas, e com as nossas afinidades… à flor da pele!

 

Posted in General | 4 Comments

10428914_240187602845025_1013456306_n

Posted in General | Leave a comment

Pessoal… Lembramos aos que forem ficar aqui na kasa durante os dias do evento, trazerem cobertor. Tambein caben algumas barracas. Se liga que aqui o frio ta pegando!!

Posted in General | Leave a comment

Aí galera, o pré-cronograma do evento. Esta aberto a propostas. E quem quiser se apresentar  sábado, haverá também palco aberto.

Abaixo, deixamos o flyer em pdf, para quem quiser imprimir e difundir a atividade. (Imprimir frente e verso).

Saúde e Anarkia !!

 

 

Posted in General | Leave a comment

flyer-1

Posted in General | Leave a comment